Boeira: Décio é o candidato do Lula, ele que fique com o Lula. O Lula é dele. O meu é Ciro Gomes.

09/08/2022

Jorge Boeira é candidato a governador pelo PDT. A definição ocorreu há menos de um mês, fruto do descontentamento de seu partido com relação aos encaminhamentos da frente de esquerda que colocou a vaga de candidato ao senado nas mãos de Dário Berger. Boeira se dispôs a voltar ao cenário político sob a promessa de ser candidato ao senado em 2022, o que não ocorreu. E foi a partir disso que o PDT decidiu sair da frente de esquerda e lançar candidatura própria em Santa Catarina. O nome escolhido foi o de Jorge Boeira, ex-deputado federal, com larga bagagem no meio político.

A candidatura nasceu “a toque de caixa” e isso faz com que Boeira ainda não tenha se ambientado completamente, como ele mesmo admitiu em entrevista ao programa Bom dia, Cidade (RTV), na manhã desta terça (9).

“Eu ainda to um pouco atrapalhado. Passei 16 anos discutindo todos os grandes temas nacionais. Tava me preparando pra uma candidatura ao senado, mas as coisas mudaram e eu sou candidato ao governo e eu to feliz também”, destacou.

O colega de bancada Teilor Topanotti perguntou ao candidato se ficou alguma rusga com Décio Lima (candidato ao governo pela frente de esquerda), já que Lima disse num debate que era o “único candidato que representa essa filosofia (de esquerda), diferente de outros que estão aí”.

“Não tem rusga pessoal nenhuma. Evidentemente que o Décio está se posicionando como o candidato do Lula. O Lula é dele, fica com o Lula. O meu é Ciro Gomes”, alfinetou Jorge Boeira.

A entrevista completa está disponível aqui:

“Ele que fique com o Lula”, diz Jorge Boeira sobre Décio Lima.
Deixe seu comentário:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Novidades no seu e-mail